Agência Rio de Notícias

quarta-feira, 8 de agosto de 2007

Teoria da conspiração

A palavra “conspiração” é derivada da palavra em latim “conspirare”, que significa “respirar junto”.
As teorias de conspiração nos dizem que um grupo de pessoas - ou organizações - conspirou para manipular um evento ou uma série de eventos, para alcançar os resultados que "eles" desejam – mantendo segredo.
Alguns sugerem que nós precisamos de teorias de conspiração para explicarmos eventos que vão além do nosso controle.
Com as distâncias sendo diminuídas, com a supressão das concepções "tempo-espaço" graças a globalização, à tecnologia moderna, as teorias de conspiração são espalhadas mais rapidamente. No passado foram identificadas e provadas várias conspirações e é natural que todos os dias tenham lugar centenas de conspirações de maior ou menor importância. Por isso, mesmo que não existam provas, qualquer pessoa pode lançar uma teoria que se baseia em fatos que nem ela própria conhece.
Uma vez demonstrada, uma conspiração deixa de ser uma teoria. Por isso, as teorias da conspiração estão necessariamente por ser confirmadas. Muitas vezes, estas teorias são defendidas por pessoas que acreditam em determinadas conclusões que não podem provar, e por isso usam uma teoria da conspiração para provar as conclusões e explicar porque é que não existem provas que sustentam essas conclusões - segundo eles, os autores da conspiração ocultam sempre as provas.
Existem inúmeros livros e filmes acerca desta temática, comunidades em sites de relacionamentos, enfim trata-se de um assunto que fascina e intriga muitas pessoas, afinal tudo o que nos é inexplicável, intrigante, sigiloso, nos desperta o desejo da descoberta, bom basta ver a quantidade de artigos, livros, matérias jornalísticas, filmes tratando de assuntos como o triângulo das bermudas, sociedades secretas etc, é inerente ao homem esta necessidade de descoberta, e logo algo que ainda não foi provado, que nos causa medo ou receio nos desperta um incrível interesse, outro exemplo é a questão da existência ou não de matéria exótica, dos wormholes, mas deixemos este assunto para outra postagem...

Nenhum comentário:

Sociologia no youtube

Loading...